.....

Terça-feira, 15 de Março de 2005

Continuação da continuação

- Jovem, aquilo para ele não é um rolo. – Acompanhou aquilo que para ela devia ser uma piada com uma risada de hiena. – É um consolo.
Fui esbofeteado com a risada perversa delas. Pareciam espasmos de um orgasmo. Estavam-se a masturbar às minhas custas!
- E já deve estar a pensar fanar-nos o rolo. – Informou a Inch(Ada), a esfregar o bigode continuou. - Apanhei-o a roubar-nos os doces.
- Já ias fazer esse buço, não? – O meu pensamento que era imune, aquelas calúnias, resolveu que o melhor que tinha a fazer era não se pronunciar.
– Pobrezinho é cleptomaníaco. – O tom jocoso não conseguia disfarçar o carinho com que foi dita a frase.
O piscar de olhos entre ambas não escapou ao meu olhar perspicaz de Gajo. Era agora que me iam castrar! Empunhei o rolo da massa e murmurei-lhes:
- Castradoras! Se tentam aproximar-se do meu coiso ou testículos, acabo com as duas!
Primeiro disfarçaram com uma expressão de perplexidade, para logo de seguida começarem a rir. Não eram risadas normais. Nada disso! Parecia um rosnar de dentes. E o riso era quase um esgar insano de gargalhadas contínuas.
- Tranquiliza-te gajo. Não será hoje que te tiramos o pirilau. - Ainda em gargalhada a Pica-Pau Morena Meia Cana Papa-Açordas Inch(Ada) Dos Traques Que Não Se Permite Dar, continuou. – Mas não esperas pela demora.
Pelo sim, pelo não, resolvi que seria mais sensato da minha parte seguir atentamente o que elas tinham nas mãos. Ou o prato principal acabava por ser o meu alarve.
A Erótica esticou as mãos, vinham soltas. Vinham sem nenhum mutilador. Abraçarem-me os ombros musculados. Claro que se aproveitou do abraço para se roçar em mim. Mas mal sabia ela que eu era completamente gay.
- Roça-te p’ra aí!
- Obrigado por me fazeres rir. – E estreitou o abraço. Aproveitou o momento para se limpar na minha camisa. E ainda sorriu do que tinha feito. Iam ter de me pagar a limpeza da camisa! Isto não ia ficar assim!
A campainha anunciou a chegada de alguém. Não quis saber! Tinha de ir limpar-me, se esperasse por uma limpeza o ranho com pedaços de morango e pêra ainda davam frutos.
Ouvi o tagarelar das duas com alguém, mas consegui escapulir-me para o WC. Tirei a camisa e bati com ela na banheira para os pedaços de fruta se soltarem. Depois abri o fecho e reguei a sanita. Sacudi caprichadamente o alarve. Cocei a alarvidade maior e depois a alarvidade menor. Ainda a sacudir reparei que tinha molhado a tampa. Como sou um gajo limpo procurei um pouco de papel higiénico. Não havia. Num banquinho estava um trapo, usei-o para limpar. Uma ponta escorregou para dentro da sanita. Nada demais. Tornei a colocar o pano onde o tinha encontrado. Depois de fazer umas festas ao alarve e coçar novamente os tomates, preparei-me para ir lavar as mãos. Abri a torneira e nada. Tornei a rodar e nada. Comer sem lavar as mãos é demais até para um gajo! Estas criaturas nem água tinham em casa. Como é que cozinhavam?
Olhei para a sanita implacavelmente limpa e um pensamento brutal abateu-se sobre mim. Utilizavam a urina para cozinhar? Mas é que só podia. Assim se entendia que a única divisão limpa fosse aquela.
A Pica-Pau Morena Meia Cana Papa-Açordas Inch(Ada) Dos Traques entra porta adentro a guinchar um:
- Tens de sair!
Não olhou directamente para o alarve, mas o sorrisinho trocista disse tudo.
- Era disso que estavas com receio de te ver apartado?
Guardei o meu alarve que por sentir humilhado murchou de todo.

publicado por Pontog às 12:07
link do post | favorito
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


..

Imagem(037).jpg

.Mais sobre Nós

.pesquisar

 

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28


.Posts recentes

. Regressei (acho..)

. Vem aí o Natal...! Ho!Ho!...

. Catálogo púbicus! (perdão...

. Voltei...

. To whom it may concern...

. Os sonsos...

. Dia do Egoísmo (Reposição...

. A história D'el feijão má...

. Feliz Aniversário, Kiinky...

. O primeiro beijo

.Preliminares

. Fevereiro 2007

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

.tags

. todas as tags

..

eXTReMe Tracker

.Interesses Especificus

SAPO Blogs

.subscrever feeds