Quarta-feira, 22 de Junho de 2005

Desistência Versus Sobrevivência

Quantos de nós não nos deparámos já com esta questão?
Desistir, indo pelo caminho mais fácil, fazendo o que a maioria espera que façamos, ou … sobreviver indo à luta?
Mas desistir do quê? Perguntarão. De Nós! Da nossa felicidade!

Não vou ilustrar este post com textos retirados de pesquisas. Vou falar de mim, da minha experiência. Não será fácil mexer no passado. Um passado recente, mas penso que não só me vai fazer bem falar no assunto como poderá servir para transmitir alguma força a quem passe por momentos semelhantes.

Também eu estive à beira do Abismo. Melhor dizendo bati bem no fundo. Não vivia. Deixei de ser Eu em prole de terceiros… Como é possível que nos exijam que nos anulemos em nome de uma felicidade que não é a nossa? Eu tentei. Anulei-me. Esqueci durante alguns anos que também eu tinha o direito de ser feliz. Cada dia que passava a angústia aumentava. Não era eu quem ali estava. Era o meu corpo, mas a minha Alma estava longe… muito longe. Tentava não pensar sequer no assunto para não me sentir ainda mais infeliz. E tentava… tentava… em vão.
Deixei-me mergulhar no abismo. Foi preciso chegar ao fundo para acordar e pensar…”mas que faço eu aqui? Eu QUERO e VOU ser feliz. Doa a quem doer. Sou um ser humano. Mereço!” e assim fiz…
Não foi fácil, não foi mesmo tarefa fácil. Foi um percurso acidentado… tive que me reerguer, reaprender a andar… enfrentar pressões dos mais variados tipos. Numa determinada altura tão cansada me sentia, sem forças para continuar, pensei mesmo em desistir e dar o passo atrás. Mas… dar um passo atrás nunca fez parte da minha forma de estar na vida. Recuar naquela altura seria um perfeito suicídio. E eu queria Viver… ser Eu… já tinha lutado tanto… não podia desistir.
Pensei nas pessoas que me rodeavam… familiares, Amigos… pensei no sofrimento que lhes provocaria com o meu recuo. Pensei em mim… sim, naquela altura já pensava em mim. Se eu não estivesse bem, como poderia proporcionar bem-estar aos que me rodeavam? Pois … seria impossível. E fui em frente. Não desisti. Encontrei a força que pensava não ter… e consegui.

Hoje reencontrei-me. Voltei a ser Eu. Ainda com lembranças do passado, mas não as podemos apagar da memória, não é? Há que as saber gerir. Aprender a viver com elas. Tornei-me uma pessoa melhor. Dou valor à Vida. Dou valor a mim mesma. Se sou feliz? Sou, na medida em que posso apreciar todos os bons momentos que a vida me oferece. Tenho uma vida tranquila, estou bem comigo e com o mundo e sei que consigo transmitir essa sensação de bem-estar aos que me rodeiam.
Por vezes páro para pensar no que teria sido se tivesse desistido. Se tivesse dado o passo atrás. Teria sido terrível… Páro para pensar em como será possível que em nome do Amor (???) da Felicidade (de quem???) haja quem nos peça, ou faça com que nos anulemos…
Penso em quantas vezes não se desiste quando se está a um pequeno passo de atingir o que mais desejamos. Muitas vezes só temos consciência disso algum tempo depois… depois de termos dado o passo atrás.
Recordo sempre as palavras do poeta (Mário de Sá Carneiro):

Um pouco mais de sol - eu era brasa,
Um pouco mais de azul - eu era além.
Para atingir, faltou-me um golpe de asa...
Se ao menos eu permanecesse aquém...
…

Um golpe de asa… é isso! Não deixemos a nossa Vida fugir, não desistamos dela … não desistamos de Nós! Basta um golpe de asa… um pequeno esforço mais que nos pode levar a tanto…
Depois, o sol brilhará com mais intensidade… o céu parecerá mais azul… e tudo… e tudo :)
A todos os que precisem dar o tal golpe de asa… transmito um pouquinho da minha Força! Há que ir em frente e não desistir Nunca!

Tenham uma noite descansada

Não esqueçam… sejam felizes ;)

Erótica







publicado por Pontog às 02:29
link do post | Dedos Marotos | favorito

.Mais sobre Nós

.pesquisar

 

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28


.Posts recentes

. Regressei (acho..)

. Vem aí o Natal...! Ho!Ho!...

. Catálogo púbicus! (perdão...

. Voltei...

. To whom it may concern...

. Os sonsos...

. Dia do Egoísmo (Reposição...

. A história D'el feijão má...

. Feliz Aniversário, Kiinky...

. O primeiro beijo

.Preliminares

. Fevereiro 2007

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

.tags

. todas as tags

.Interesses Especificus

SAPO Blogs

.subscrever feeds