.....

Sexta-feira, 11 de Março de 2005

Capítulo1- Página 1 do nosso conhecimento

Conheci-as numa manhã onde o céu era rasgado por raios e coriscos. Não tinha qualquer intenção de as conhecer. Simplesmente aconteceu. Moro num andar acima das que considerava dois monos que tal como os restantes monos só existiam para agradar. Acordei com as antenas a captarem o som do despertador e fiquei possesso. Resolvi que as gajas estavam ali para acabar com o meu sossego. Vesti umas calças que tinha deixado estendidas no chão na noite anterior. Sou um gajo económico. Asseado e tal, mas se poupar umas lavagens, até poupo. Lavar umas calças com cheiro a macho é um desperdício. Desci as escadas ainda a calçar as meias com uma ligeiríssima maresia a chulé. Respirei aquele cheiro tão meu conhecido enquanto tocava à campainha. Tentava ainda cheirar aquele aroma suave de verão quando me vi sugado para o interior do apartamento. Ainda a tentar equilibrar-me e a tentar perceber o que se estava a passar, olhei em redor. Os estores estavam corridos, deixando todo o ambiente num lusco-fusco que quase nem permitia diferenciar o semblante do mono que estava à minha frente. Ocorreu-me que estava prestes a ser violado. Prestes a rugir um: Que raio se passa?
- Tens de nos ajudar. Vamos ter casa cheia. – O tom de voz era melodioso, não exigia, nem parecia desesperado. Era simplesmente um pedido de ajuda, que me pareceu deveras estranho. Afinal o mono nem sequer me conhecia.
Francamente, não sou de me apiedar. Mas a curiosidade impeliu-me. Acenei com a cabeça mesmo tendo a noção que dificilmente ela veria o meu gesto.
O estore eléctrico mexeu-se deixando a claridade invadir a sala.
- Quem é esse gajo? – Perguntou outra voz que automaticamente reconheci como o mono dois.
- Sei lá.
- Não sabes quem é o gajo e convida-lo a entrar no nosso apartamento??? - Um leve tom de critica superava a voz ainda rouca de alguém que tinha acabado de acordar.
- Nunca mais te levantavas. – Queixou-se o mono a quem já tinha ouvido chamar Tic, soou-me a tique. Pensei mesmo que por baixo de mim vivia o tique e o traque.
-Então - retorquiu a outra - só porque não acordo tu abres a nossa casa a um gajo qualquer, que até pode ser um tarado?
- Oiçam lá minhas senhoras, para o caso de não terem reparado eu estou presente!
O olhar de ambas virou-se para mim. O sarcasmo no olhar era evidente.
- Para o caso de não terem reparado ainda as únicas taradas presentes aqui são as duas!
A risada das duas rodeou-nos.
- Agradeço-vos que de hoje em diante não deixem o despertador a tocar duas horas.
Ignoram-me ainda a rirem-se, o mono dois a quem resolvi chamar Pica-pau morena agarrou num bolo que estava já na mesa e a mastigar disse:
- Mostra-lhe onde estão os pratos.
Garanto que vi partes do bolo serem cuspidas com as frases.
-Achas que ele se importa de ajudar?
- Importa nada. – Saiu da sala antes que pudesse contra argumentar.
Não se apresentaram. Trataram-me como se fosse parte da mobília cheia de pó. Estas gajas viam-me como um alquimista. Ou isso ou eram tão dementes que julgavam que era bruxo. Colocaram uma música, o fim do Mundo. Certamente que não era o fim do mundo. Mas ia ser o princípio de uma amizade. Só que na altura não o imaginava e aquelas duas eram como os restantes, com um pouco mais de tiques e a sofrerem de flatulência, especialmente a tal Pica-pau Morena. Capítulo

O atrevimento irritou-me mas ao tempo divertiu-me resolvi ficar e almoçar à borla. Sempre me poupavam a ir comer uma sandes.

publicado por Pontog às 12:47
link do post | Dedos Marotos | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 11 de Março de 2005 às 18:11
Beemmm... confesso q fiquei deveras curiosa pra saber o q vira a seguir! PAra quando o cap. 2? Estou à espera! =)missantipatia
(http://www.missantipatia.blogs.sapo.pt)
(mailto:missantipatia@sapo.pt)


Dedos Marotos

..

Imagem(037).jpg

.Mais sobre Nós

.pesquisar

 

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28


.Posts recentes

. Regressei (acho..)

. Vem aí o Natal...! Ho!Ho!...

. Catálogo púbicus! (perdão...

. Voltei...

. To whom it may concern...

. Os sonsos...

. Dia do Egoísmo (Reposição...

. A história D'el feijão má...

. Feliz Aniversário, Kiinky...

. O primeiro beijo

.Preliminares

. Fevereiro 2007

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

.tags

. todas as tags

..

eXTReMe Tracker

.Interesses Especificus

SAPO Blogs

.subscrever feeds