.....

Sexta-feira, 5 de Agosto de 2005

Dança de Gelo



Encontro o teu olhar na escuridão possível de uma discoteca com direito a esplanada com vista para dentro da pista… é aí que te vejo, a dançar... fixo os olhos em ti, nos teus movimentos…sentes-te observada e começas a tentar ver de onde surge a sensação, de onde são os olhos que sentes em ti… Encontras-me …os olhares encontram-se e em vez de desviares o olhar, abrandas a dança, começas a abrandar o ritmo, mas de modo sensual…mais lento, lânguido, altamente provocador… e olhas na minha direcção enquanto o fazes…está calor e tu ajudas a aquecer ainda mais o ar…entre mim e ti… lentamente viras e reviras…mexes no cabelo e passas os dedos por onde queres que se centre a minha atenção…meus olhos são teus escravos… o cabelo é uma extensão da tua provocação e sedução…
Molhas o dedo no que bebes passas pelos lábios…dedo, húmido… língua…lábios.
Pescas uma pedra de gelo do copo e colocas na boca…sugas e deixas pingar no teu peito uma gota que ao cair sobre e tua pele quente, seca…a segunda gota…a gota, cai o mesmo sitio…e começa a escorregar pela tua pele…peito… gota, junto à humidade que já se encontra na tua pele forma rio…
Sinto-me entre a vontade de ir até ti, ou ficar e ver até onde mais vais…ou eu consigo ficar. O meu sangue fervilha em contraste com o gelo com que brincas…trincas e provocas… dois, nós dois podemos jogar esse jogo… Eu sinto-me a gota de suor, juntamente com o gelo que te percorre o corpo e treme de acordo com as sensações que por mim flúem… sinto-me com uma tesão que pulsa… desejo palpável…
O copo gelado que tenho na mão, com a minha bebida, não me acalma… olho para ele e tiro uma pedra de gelo…com um gole, coloco-a na boca… mostro-ta…capto a tua atenção, enquanto continuas o embalo e provocação ao som da música… mostro a pedra que me dança na língua e mostro-te o que faria se fosse um dos teus seios… respiro fundo e aperto a pedra entre os lábios… Tu fazes o mesmo, mas acompanhas com um dedo… suga-lo…
Passas as mãos pelo teu corpo… cabelo revolto, pescoço, peito, e olhas-me… sorris de modo provocador…e continuas ancas…parte interior das ancas… olhas-me nos olhos e mostras-te a pedra na boca… e engoles…
Deito o copo à boca e pesco a rodela de limão…na boca, mostro-te a mistura de sabores e de temperaturas…brinco com os sabores, a mistura e a língua…devolvo ao copo o gelo e sugo o limão…com a mistura feita na minha boca… sorris…moves-te …na minha direcção, aproximas-te…chegas ao pé de mim inclinas-te….passas a língua nos meu lábios de exploras a minha língua… afastas-te e dizes:
- Até amanhã, Amor… – sorris maliciosa mais provocante que nunca… endireitas-te e sais… eu?...bom eu terei de esperar mais um pouco até me conseguir levantar…


SeeUArround e afins... ;)



publicado por Pontog às 22:21
link do post | Dedos Marotos | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 5 de Agosto de 2005 às 22:31
É impressão minha ou está calor?Wrong_Way
</a>
(mailto:umdiamais@hotmail.com)


Dedos Marotos

..

Imagem(037).jpg

.Mais sobre Nós

.pesquisar

 

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28


.Posts recentes

. Regressei (acho..)

. Vem aí o Natal...! Ho!Ho!...

. Catálogo púbicus! (perdão...

. Voltei...

. To whom it may concern...

. Os sonsos...

. Dia do Egoísmo (Reposição...

. A história D'el feijão má...

. Feliz Aniversário, Kiinky...

. O primeiro beijo

.Preliminares

. Fevereiro 2007

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

.tags

. todas as tags

..

eXTReMe Tracker

.Interesses Especificus

SAPO Blogs

.subscrever feeds